Camp http://camp.org.br Uma escola de cidadania Tue, 19 Jan 2021 13:43:21 +0000 pt-BR hourly 1 8ª Feira Virtual da Rede Ubuntu: Outra Economia acontece! Feminista, Antirracista e Anticapitalista! http://camp.org.br/2021/01/13/8a-feira-virtual-da-rede-ubuntu-outra-economia-acontece-feminista-antirracista-e-anticapitalista/ http://camp.org.br/2021/01/13/8a-feira-virtual-da-rede-ubuntu-outra-economia-acontece-feminista-antirracista-e-anticapitalista/#respond Wed, 13 Jan 2021 13:34:26 +0000 http://camp.org.br/?p=4968
Os produtos e serviços são postados no grupo da Rede Ubuntu de Cooperação Solidária
por Empreendimentos dos Povos Tradicionais de Matriz Africana, Indígenas, Quilombolas, Camponeses, de Afro Empreendedoras e da Economia Popular do RS!
Somos luta antirracista! Somos acolhimento e diversidade! Somos uma tradição que alimenta, não violenta! Somos ancestralidade! Somos sagradas mulheres águas! Somos Feministas, Antirracistas e Anticapitalistas!! ✊🏿❤️
#EconomiaSolidáriaAntirracista #RedeUbuntu
Como funciona ? 📲 Os Empreendimentos da Rede Ubuntu fazem as postagens dos seus artesanatos, produtos afro, alimentação, confecção, serviços, brechós neste grupo.
Como comprar de quem faz? 💰 Entre em contato com cada Empreendimento, via whatsapp, e combine o pagamento.
Como receber? Via tele entrega gratuita e segura 🛵 pra que vc #FiqueEmCasa e consuma da #EconomiaSolidáriaAntirracista e da #RedeUbuntu
]]>
http://camp.org.br/2021/01/13/8a-feira-virtual-da-rede-ubuntu-outra-economia-acontece-feminista-antirracista-e-anticapitalista/feed/ 0
VAMOS CONSTRUIR JUNTOS E JUNTOS FÓRUM SOCIAL MUNDIAL – Janeiro de 2021 http://camp.org.br/2021/01/11/vamos-construir-juntos-e-juntos-forum-social-mundial-janeiro-de-2021/ http://camp.org.br/2021/01/11/vamos-construir-juntos-e-juntos-forum-social-mundial-janeiro-de-2021/#respond Mon, 11 Jan 2021 13:53:11 +0000 http://camp.org.br/?p=4962

Organizações e movimentos sociais de todo o mundo são convidados a construir juntos a próxima edição do Fórum Social Mundial e a participar de suas atividades que acontecerão na última semana de janeiro de 2021, basicamente virtualmente, mas também nos locais onde é possível realizá-los com segurança sanitária.

No final de semana de 24 e 25 de outubro, foram realizadas duas primeiras reuniões preparatórias, a segunda entre as organizações participantes dos processos dos Fóruns Sociais Mundiais Temáticos, Regionais e Nacionais e outra do Conselho Internacional Ampliado com movimentos, organizações e redes globais de várias partes do mundo (links abaixo para as gravações e notas ao vivo das reuniões).

Todos os participantes expressaram seu entusiasmo pelo evento, considerando a gravidade e urgência dos desafios da situação atual e a necessidade de articular campanhas e ações globais e territoriais para enfrentá-los.

Além de fortalecer a divulgação do próximo FSM pelo mundo, vários dos participantes decidiram ingressar na organização de seu Grupo Facilitador, que se reuniu no dia 4 de novembro , quarta-feira.

Sua organização, movimento ou rede mundial também está convidada a esta  coconstrução : fazer parte deste  Grupo Facilitador , ser incluída em seus grupos de trabalho, construir atividades autogestionárias que contribuam para esforços de articulação e preparação de ações.

Seguem abaixo os links para dois documentos que tratam do formato do próximo FSM e seus principais espaços e eixos temáticos. Sua estrutura temática são propostas iniciais que serão desenvolvidas e complementadas pelo Conselho Internacional e pelo Grupo Facilitador em formação.

No evento FSM da última semana de janeiro de 2021, permitiremos debates amplos e profundos sobre as crises que se sobrepõem ao capitalismo e estimularemos a articulação de respostas políticas e a programação de ações globais; também teremos a oportunidade de enfrentar mais uma vez o Fórum Econômico Mundial em Davos. Esta semana será o ponto de partida natural para a comemoração dos 20 anos  da criação do Fórum Social Mundial, que aconteceu em janeiro de 2001 em Porto Alegre, Brasil.

Mais do que isso: este evento FSM seguirá em um amplo e intenso processo de debates, articulações, campanhas e lutas, que acontecerá em todos os continentes e ao longo do ano, rumo à próxima edição planetária pós-pandêmica do Fórum Social Mundial, que deve ocorrer no final de 2021 ou início de 2022, o que está sendo previsto para o México.

Construiremos o próximo FSM juntos em janeiro de 2021.

Contamos com sua participação.

Responda a estes convites para: forumvirtual@wsf2021.net e indique se precisa de interpretação para um idioma específico.

GT de articulação do Conselho Internacional do Fórum Social Mundial.

Links informativos

vídeo e notas em 24 de outubro

vídeo e notas de 25 de outubro

detalhes  sobre o  formato  do evento FSM de janeiro de 2021

elementos da  estrutura temática  do evento FSM janeiro de 2021

]]>
http://camp.org.br/2021/01/11/vamos-construir-juntos-e-juntos-forum-social-mundial-janeiro-de-2021/feed/ 0
2021: Solidariedade, ninguém solta a mão de ninguém, esperançar http://camp.org.br/2021/01/11/2021-solidariedade-ninguem-solta-a-mao-de-ninguem-esperancar/ http://camp.org.br/2021/01/11/2021-solidariedade-ninguem-solta-a-mao-de-ninguem-esperancar/#respond Mon, 11 Jan 2021 13:48:36 +0000 http://camp.org.br/?p=4959 Por Selvino Heck, 08 de Janeiro de 2021

A Diogo Sant’anna, Luiz Alberto Gómez de Souza, Pe. Ticão, Everlindo Henklein, Everanice Malvezzi.

2020 não precisava ter terminado assim. Muito menos 2021 começar desse jeito. Pior final e início de ano da minha vida. Quantos amigos, quantas amigas, companheiras, companheiros se foram! Algumas, alguns, de maneira estúpida, sem explicação, outras, outros, porque o tempo chegou, mais aquelas e aqueles vítimas desta doença inominável, sem fronteiras.

Perdas, muitas perdas. Tristeza, dor, sofrimento sem fim. O mundo ficou mais vazio, muito mais vazio. Lutadoras, lutadores, compas da boa luta e da boa companhia, por um outro mundo possível, urgente e necessário, construtoras e construtores da utopia, sonhadoras e sonhadores da Boa Nova.

“Diogo Sant’Anna (foto), Luiz Alberto Gómez de Souza, Pe. Ticão, Everlindo Henklein, Everanice Malvezzi. Vocês estarão conosco, na boa luta, lado a lado, sendo nosso exemplo e nosso guia na jornada” – Reprodução

Se já ultrapassei/ultrapassamos 2020 capencando, muitas vezes sem chão, como atravessar 2021 de fronte erguida, olhos no alto, cabeça e coração preenchidos de esperança, amor, acreditando no futuro?

Ao mesmo tempo, quantos exemplos dados, Diogo Sant’Anna! Quanta irmandade construída em décadas e décadas, Luiz Alberto Gómez de Souza! Quantas boas lutas, Pe. Ticão! Quantos caminhos palmilhados, Everlindo Henklein! Quantas caatingas e sertões atravessados, Everanice Malvezzi! Todas e todos vocês vão nos iluminar em 2021, em nossos passos daqui para frente, em nossas encruzilhadas, em nossas angústias e dúvidas, em nossas tristezas e luto nas esquinas da História.

Viveremos muito por vocês. Viveremos tudo que nos for dado. Estaremos do lado certo da história, com e como vocês. Teremos fé, coragem e nos apoiaremos no testemunho de vocês e de tantas outras e tantos outros que nos deixaram recentemente, e, sabemos, vão nos deixar proximamente. Estaremos vigilantes, olhares despertados, sorriso aberto, consciência afinada, dentro do possível, e do que nos for dado ou formos construindo.

Com vocês, nos espera, no final de janeiro de 2021, o Fórum Social Mundial virtual, brasileiro, latino-americano, mundial: um outro mundo possível.

Paulo Freire e seu esperançar estarão conosco durante todo 2021, dia por dia, até 19 de setembro, data de seu centenário. Paulo Freire vive, assim como vocês vivem!

A Sexta Semana Social Brasileira, Terra, Trabalho e Teto, um Mutirão Pela Vida!, será nossa estrada e compromisso até 2022, sem parar.

E ainda haverá o 8 de Março, o Dia Internacional das Mulheres, o Primeiro de Maio e o Dia Internacional das Trabalhadoras e dos Trabalhadores, e tantas outras coisas por acontecer e fazer em 2021.

Na mobilização popular e de massas, em 2021 será construído o impeachment de um presidente de um governo genocida, necrófilo, que antepõe a economia e a morte à vida e ao cuidado com a Casa Comum.

Estaremos juntas, juntos em tudo que 2021 nos apresentar e nos oferecer, sem arredar pé, sem medo de sermos, todas e todos, felizes, e alertas na denúncia e no anúncio. Estaremos na rua, em todos os lugares onde for possível e necessário, com os devidos cuidados, onde vocês também estariam, ou sempre estiveram, e sempre estarão, vocês conosco, nós com vocês.

Em homenagem a vocês, 2021 não passará em vão. Será o ano da Solidariedade, junto com as irmãs e os irmãos mais pobres, os que estão passando fome, os que estão na miséria, as/os que estão desempregadas/os. Formaremos Comitês contra a Fome e contra o Coronavirus nas periferias e no campo. Transformaremos 2021 no ano do Esperançar freireano, do inédito viável, do ninguém solta a mão de ninguém, a mão de vocês colada, abraçada à nossa. Será o ano das políticas públicas com participação popular, da defesa do SUS e da vacina já para toda população.

Estaremos com vocês contra os neofascistas, contra os genocidas, contra os necrófilos, na luta contra o racismo estrutural e os feminicídios, contra o ódio, a intolerância e o preconceito, sempre a favor da vida, da humanidade, da libertação do povo, do Bem Viver.

Vamos abrir portas e janelas. Vamos despertar mentes e corações. Vamos carregar nos ombros, se preciso for, toda dor do mundo. Latino-americanamente, estarão conosco o Che, Dorothy Stang, Sepé Tiaraju, Margarida Alves, Chico Mendes, Olga Benário, Santo Dias, Dorcelina Folador, Salvador Allende, todas e todos os mártires que deram sua vida pela Pátria Grande, pela Pachamama.

Vocês estarão conosco, na boa luta, lado a lado, dia por dia, minuto a minuto, segundo a segundo, o ano inteiro, o tempo todo, a vida inteira, dando-nos força, sendo nosso exemplo e nosso guia na jornada. Não haverá trégua, não haverá silêncio, não haverá morte que interrompa nossa caminhada, iluminadas e iluminados por vocês, Diogo Sant’Anna, Luiz Alberto Gómez de Souza, Pe. Ticão, Everlindo Henklein, Everanice Malvezzi.

Edição: Katia Marko, Brasil de Fato RS

]]>
http://camp.org.br/2021/01/11/2021-solidariedade-ninguem-solta-a-mao-de-ninguem-esperancar/feed/ 0
Formas de Comercialização em Rede em tempos de Pandemia http://camp.org.br/2020/12/10/formas-de-comercializacao-em-rede-em-tempos-de-pandemia/ http://camp.org.br/2020/12/10/formas-de-comercializacao-em-rede-em-tempos-de-pandemia/#respond Thu, 10 Dec 2020 14:05:48 +0000 http://camp.org.br/?p=4949

A Rede Ubuntu de Cooperação Solidária e a geração de renda, cooperação, cidadania, solidariedade em tempos de Pandemia.
10/12, quinta, 14h30 pelo facebook do CAMP.
]]>
http://camp.org.br/2020/12/10/formas-de-comercializacao-em-rede-em-tempos-de-pandemia/feed/ 0
Empreendimentos dos Povos Tradicionais de Matriz Africana homenageiam Mãe Iansã e a Mãe Oxum http://camp.org.br/2020/12/04/empreendimentos-dos-povos-tradicionais-de-matriz-africana/ http://camp.org.br/2020/12/04/empreendimentos-dos-povos-tradicionais-de-matriz-africana/#respond Fri, 04 Dec 2020 17:21:48 +0000 http://camp.org.br/?p=4930 No Rio Grande do Sul os Povos Tradicionais de Matriz Africana costumam ter datas específicas para presentear a natureza, nossos grandes pais e mães. No mês de dezembro costuma-se presentear a Mãe Iansã e a Mãe Oxum.
A Rede Ubuntu apresenta o Coletivo de Empreendimentos que oferecem produtos que dialogam com os costumes desta época!
COOPTMA Porto Alegre e Viamão, Tempero Da Preta, Padaria e Frutaria MM’s e Mania de Trufas by Amanda!
]]>
http://camp.org.br/2020/12/04/empreendimentos-dos-povos-tradicionais-de-matriz-africana/feed/ 0
7ª Feira Virtual da Rede Ubuntu: Somos Resistência http://camp.org.br/2020/11/30/7a-feira-virtual-da-rede-ubuntu-somos-resistencia/ http://camp.org.br/2020/11/30/7a-feira-virtual-da-rede-ubuntu-somos-resistencia/#respond Mon, 30 Nov 2020 11:35:32 +0000 http://camp.org.br/?p=4927 Inicia amanhã, 1º e vai até o dia 15 de dezembro a 7ª Feira Virtual da Rede Ubuntu: Somos Resistência!

Produtos e serviços postados aqui no grupo por Empreendimentos dos Povos Tradicionais de Matriz Africana, Indígenas, Quilombolas, Camponeses, de Afro Empreendedoras e da Economia Popular do RS!
Somos luta antirracista! Somos acolhimento e diversidade! Somos uma tradição que alimenta, não violenta! Somos ancestralidade! Somos sagradas mulheres águas! SOMOS RESISTÊNCIA!
 ✊🏿❤️
Como funciona ? 📲 Os Empreendimentos da Rede Ubuntu fazem as postagens dos seus artesanatos, produtos afro, alimentação, confecção, serviços, brechós neste grupo.
Como comprar de quem faz? 💰 Entre em contato com cada Empreendimento, via whatsapp, e combine o pagamento.

Como receber? Via tele entrega gratuita e segura 🛵 pra que vc #FiqueEmCasa e consuma da #EconomiaSolidáriaAntirracista e da #RedeUbuntu

]]>
http://camp.org.br/2020/11/30/7a-feira-virtual-da-rede-ubuntu-somos-resistencia/feed/ 0
8º Encontro Sul Brasileiro de Organizações e Movimentos Sociais http://camp.org.br/2020/11/30/8o-encontro-sul-brasileiro-de-organizacoes-e-movimentos-sociais/ http://camp.org.br/2020/11/30/8o-encontro-sul-brasileiro-de-organizacoes-e-movimentos-sociais/#respond Mon, 30 Nov 2020 11:31:23 +0000 http://camp.org.br/?p=4924

Análise da conjuntura pós eleições municipais na perspectiva da sociedade civil e planejamento das ações e estratégias da ABONG Sul em 2021.

]]>
http://camp.org.br/2020/11/30/8o-encontro-sul-brasileiro-de-organizacoes-e-movimentos-sociais/feed/ 0
FEICOOP 2020 – Edição especial online inicia 1º e vai até 15/12 http://camp.org.br/2020/11/30/feicoop-2020-edicao-especial-online-inicia-1o-e-vai-ate-1512/ http://camp.org.br/2020/11/30/feicoop-2020-edicao-especial-online-inicia-1o-e-vai-ate-1512/#respond Mon, 30 Nov 2020 11:21:05 +0000 http://camp.org.br/?p=4920

1ª Jornada Internacional de Economia Solidária 01 a 15 de dezembro de 2020

Há 26 anos que a Arquidiocese de Santa Maria, RS, através do Banco da Esperança, Projeto Esperança/Cooesperança, Rede Esperança organizam a FEICOOP-Feira Internacional do Cooperativismo, da Economia Solidária e da Agricultura Familiar em parceria com a participação de muitas Entidades, Organizações, Movimentos, Pastorais e Empreendimentos de Economia Solidária.

A Metodologia é através do trabalho voluntário de centenas de Comissões e um trabalho autogestionário, participativo e interativo. É uma “Experiência Aprendente e Ensinante” que fortalece a certeza de que “Um Outro Mundo Possível” e de “Uma Outra Economia que já Acontece”.

A FEICOOP, através de sua experiência histórica de 26 anos, contribuiu na motivação, fortalecimento e organização de muitas experiências no Brasil, na América Latina e outros Continentes.

É um modelo de Uma Outra Economia, mais Justa e Solidária em favor da vida e que vem consolidando o Bem Viver para toda Humanidade no campo e na cidade.
Este trabalho se inspira muito nas palavras de motivação do Papa Francisco: “Os rios não bebem sua própria água; as árvores não comem seus próprios frutos. O sol não brilha para si mesmo; e as flores não espalham sua fragrância para si. Viver para os outros é uma regra da natureza. Todos nós nascemos para ajudar uns aos outros. Não importa quão difícil seja… A vida é boa quando você está feliz; mas a vida é muito melhor quando os outros estão felizes por sua causa” e também se inspira no sábio Provérbio Africano: “Muita Gente Pequena, Em Muitos Lugares Pequenos, Fazendo Coisas Pequenas, Mudarão A Face Da Terra”.

O ano de 2020 chegou com um imenso desafio para toda a humanidade: a Pandemia da COVID-19. A pandemia chegou e está custando a passar.

Com ela veio a impossibilidade de realizar a Feicoop no formato conhecido e aguardado por nós. Mas o desejo de realizá-la, ainda que de outra forma, foi maior. E, a muitas mãos, a FEICOOP, neste ano, está sendo construída em um novo formato. Esta edição, que será ESPECIAL, vai ser no formato ONLINE, no período de 01 a 15 de dezembro.

Feicoop 2020: http://www.feicoop.com.br/content/home/default1.asp

Participe conosco das diferentes atividades que ocorrerão durante estes quinze dias. Participe dos seminários, oficinas, rodas de conversa, Feira ONLINE e atividades culturais. Acompanhe aqui pelo site a programação que será disponibilizada em breve.

Também convidamos você e sua entidade para colaborar com a Vaquinha ON LINE em apoio à FEICOOP 2020. Ajude a divulgação da Feicoop Edição Especial 2020 entre seus amigos e em suas redes sociais. Sua iniciativa contribuirá para que a Feicoop continue sendo espaço de construção coletiva de um outro mundo possível.

]]>
http://camp.org.br/2020/11/30/feicoop-2020-edicao-especial-online-inicia-1o-e-vai-ate-1512/feed/ 0
Feira virtual Rebe Ubuntu da Consciência Negra é opção de consumo antirracista http://camp.org.br/2020/11/19/feira-virtual-rebe-ubuntu-da-consciencia-negra-e-opcao-de-consumo-antirracista/ http://camp.org.br/2020/11/19/feira-virtual-rebe-ubuntu-da-consciencia-negra-e-opcao-de-consumo-antirracista/#respond Thu, 19 Nov 2020 16:45:33 +0000 http://camp.org.br/?p=4915 Com frete grátis, feira de artesanato, produtos afro, serviços, alimentação e diversos produtos ocorre até sexta (20)

Marcelo Ferreira
Brasil de Fato | Porto Alegre | 17 de Novembro de 2020 às 12:05

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Em sua sexta edição, a Feira Virtual da Rede Ubuntu já está acontecendo e segue aberta até o dia 20 de novembro. O tema é o Dia da Consciência Negra. Através de um grupo no Facebook, mais de 140 empreendimentos de povos tradicionais de matriz africana, quilombolas, indígenas, camponeses e grupos da economia solidária do Rio Grande do Sul comercializam seus artesanatos, produtos afro, alimentação, confecção, serviços e brechós.

“Pra nós, mulheres negras trabalhadoras de diferentes seguimentos, a 6°Feira Virtual da Rede Ubuntu da Consciência Negra é uma possibilidade de mostrarmos a importância histórica do trabalho da mulher negra para a construção deste país”, explica Gil Neves, radialista e educadora do Centro de Assessoria Multiprofissional (CAMP). Ela destaca que a feira reafirma que quem faz a economia acontecer, majoritariamente, são as mulheres negras. “Enquanto as mulheres não negras lutavam pelo direito ao trabalho, as mulheres negras já exerciam este papel ainda que por vezes de forma escrava.”

Para adquirir produtos da Rede Ubuntu e assim contribuir na luta antirracista e na geração de renda para os grupos mais atingidos pela crise resultante da pandemia no novo coronavírus, basta acessar o grupo e conferir as publicações. Nelas o empreendedor divulga seus produtos e contato no WhatsApp. O pagamento é combinado diretamente com o vendedor e a entrega dos produtos é segura e gratuita para toda a região Metropolitana de Porto Alegre.


Alguns dos produtos comercializados pela Rede Ubuntu / Reprodução

“A Feira dá visibilidade a nós, mulheres negras, e mostra uma outra forma de fazer economia que é solidária, autogestionária e cooperativa, estabelecendo novas formas de relação com o trabalho e também com a sociedade”, ressalta Gil. Ela é apresentadora do Papo Ubuntu, programa de entrevistas com ativistas sociais sobre temas como preconceito, racismo e principalmente dando ênfase a projetos que ajudam na criação de renda nas comunidades. O Papo Ubuntu é veiculado todas as quintas-feiras, das 12h30 até 13h30, na rádio Newblack Montenegro, com reprise às sextas-feiras, no mesmo horário.

A Rede Ubuntu foi constituída em 2018, a partir de um projeto do CAMP, em parceria com o Fórum Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional dos Povos Tradicionais de Matriz Africana (FONSAPOTMA), conquistado em edital do governo federal. Além de fomentar feiras, desenvolve processos formativos fundamentados na educação popular e de articulação com outros atores da economia solidária, visando o fortalecimento das cadeias produtivas, a geração de trabalho e renda, a constituição de arranjos econômicos territoriais de produção, comercialização e consumo solidário.

Clique aqui para acessar o grupo onde ocorre a Feira.


:: Clique aqui para receber notícias do Brasil de Fato RS no seu Whatsapp ::

SEJA UM AMIGO DO BRASIL DE FATO RS

Você já percebeu que o Brasil de Fato RS disponibiliza todas as notícias gratuitamente? Não cobramos nenhum tipo
de assinatura de nossos leitores, pois compreendemos que a democratização dos meios de comunicação é fundamental para uma sociedade mais justa.

Precisamos do seu apoio para seguir adiante com o debate de ideias, clique aqui e contribua.

Edição: Katia Marko

]]>
http://camp.org.br/2020/11/19/feira-virtual-rebe-ubuntu-da-consciencia-negra-e-opcao-de-consumo-antirracista/feed/ 0
Abertas Inscrições para Feira Virtual da FEICOOP 2020 http://camp.org.br/2020/11/04/abertas-inscricoes-para-feira-virtual-da-feicoop-2020/ http://camp.org.br/2020/11/04/abertas-inscricoes-para-feira-virtual-da-feicoop-2020/#respond Wed, 04 Nov 2020 15:49:12 +0000 http://camp.org.br/?p=4900 INSCRIÇÕES para a FEIRA VIRTUAL DE ECONOMIA SOLIDÁRIA DA FEICOOP 2020
de 04/11 a 30/11 
“A Feira de Economia Solidária se constitui como proposta coletiva que reúne trabalhadores e trabalhadoras do campo e da cidade, empreendimentos, fóruns, redes e consumidoras/es, movimentos sociais, pastorais, diferentes denominações religiosas, entidades da sociedade civil, instituições públicas e privadas. Trata-se de um processo “aprendente e ensinante”, construído em mutirão, numa caminhada de permanente cuidado, formação, mobilização e compromisso.
Essa proposta se contrapõe as formas de exploração engendradas no modo de produção capitalista e as opressões que incidem na vida da classe trabalhadora de modo geral, do povo de periferia, negros, indígenas, população LGBTQI+, juventudes e mulheres”.
Empreendimentos de economia solidária de todos os continentes podem participar da Feira Virtual de Economia Solidária – FEICOOP 2020!! 🧡💚
]]>
http://camp.org.br/2020/11/04/abertas-inscricoes-para-feira-virtual-da-feicoop-2020/feed/ 0