2ª FEIRA ESTADUAL DE ECONOMIA POPULAR E SOLIDÁRIA DOS POVOS TRADICIONAIS DE MATRIZ AFRICANA

 

A Feira faz parte do projeto Constituição da rede Ubuntu de Cooperação Solidária, apoiado pela Subsecretaria de Economia Solidária, que visa organizar e constituir a Rede Ubuntu de Cooperação Solidária, garantindo a inserção dos Povos Tradicionais de Matriz Africana no contexto e práticas da Economia Solidária, como forma da superação de desigualdades históricas, através da realização de processos formativos fundamentados na educação popular e de articulação com os demais povos e comunidades tradicionais, bem como, com outros atores da economia solidária. Objetiva, também, o fortalecimento das cadeias produtivas, a geração de trabalho e renda, a constituição de arranjos econômicos territoriais de produção, comercialização e consumo solidário, conforme previsto no Plano Nacional de Economia Solidária e no Plano Nacional de Desenvolvimento Sustentável dos Povos e Comunidades Tradicionais de Matriz Africana.

A feira conta com o apoio da Prefeitura de Rio Grande e terá expositores de várias artes do estado.

PROGRAMAÇÃO

12/01/2019 – Sábado
14h – Solenidade de Abertura e acolhida: Feirando e refletindo
15h – Quem são os Povos Tradicionais de Matriz Africana? (Marco Conceitual)
Apresentação do FONSANPOTMA – Fórum Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional dos Povos Tradicionais de Matriz Africana.
16h – Análise da conjuntura nacional.
18h – Discussão sobre o julgamento da ADIN no STF, abate de animais nas tradições de matriz africana e Campanha “A Tradição Alimenta, Não Violenta”.
20h – Momento Cultural

13/01/2019 – Domingo
14h – Formas de fazer Economia Popular e Solidária:
O que é Economia Popular Solidária: princípios e organização
Práticas de Economia Popular Solidária dos POTMA’s.
17h – Rede Ubuntu de Cooperação Solidária – CAMP
18h – Sistema de Desenvolvimento Econômico Sustentável (SINDESU) – FONSANPOOTMA
19 – Campanha “Sagradas Mulheres Águas”, Nacionalização do dia de Iemanjá
20h – Momento Cultural

14/01/2019 – Segunda
14h – Reunião da coordenação estadual do FONSANPOTMA
16h – Questões Administrativas
18h – Balanço avaliativo da feira
19h – Encerramento
20h – Cerimônia Tradicional dos Povos de Matriz Africana, Povo Fon (Jeje-Nago), no Ile do Babalorixá Jorginho de Xangô

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

4 + 5 =


*